GCCO prende advogada por falsificação de documento para remissão de pena de presos

Assessoria | PJC-MT

A Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) da Polícia Judiciária Civil, em investigações de falsificação de documentos de certificado de conclusão de curso no Senai, para remissão de pena de condenados da Justiça, prendeu, a advogada Jaqueline Moreira Martins Pacheco, em cumprimento de mandado de prisão preventiva. A advogada também teve mandado de busca e apreensão cumprido em sua casa, em um condominio de Cuiabá.

Três clientes dela, que cumprem penas em unidades prisionais também tiveram mandados de prisão decretados. Dois presos na Penitenciária Central do Estado  (PCE), sendo eles: Paulo Witter Farias Paelo e Diego Alexandre Cocarelli, e um no presídio de Água Boa, o reeducando Eudes Rodrigo da Silva. .

As investigações correm no âmbito do inquérito policial  025/2018, a partir de informações recebidas  da 2ª Vara  Criminal de Cuiabá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *