Esclarecimentos acerca do óbito ocorrido na Policlínica do Verdão

ROBERTA PENHA

Em relação ao óbito ocorrido na Policlínica do Verdão na noite deste domingo (17), a Secretaria Municipal de Saúde informa:

– A paciente chegou em estado grave na unidade e recebeu todo o tratamento necessário. Em momento algum a paciente ficou desassistida, mas, infelizmente devido ao agravamento de seu estado de saúde, mesmo com todos os esforços dos médicos para salvá-la, ela veio a óbito.

– A Policlínica do Verdão possui 2 aparelhos respiradores. Na tarde de sábado (16), uma pessoa que estava alcoolizada derrubou uma bala de oxigênio em cima de um dos aparelhos, que apresentou um defeito. O outro respirador foi testado e estava funcionando normalmente;

– Assim que soube do defeito do respirador, o coordenador da Policlínica entrou em contato com a empresa terceirizada responsável pela manutenção destes aparelhos para realizar o conserto.

– Neste domingo o outro aparelho apresentou defeito. Novamente a coordenação entrou em contato com a terceirizada para ir resolver o problema urgentemente. Desta vez o coordenador foi atendido e os técnicos foram fazer a manutenção dos aparelhos;

– A paciente que se encontrava no box de emergência e necessitava do respirador teve o procedimento realizado de forma manual enquanto aguardava a ambulância para realizar sua transferência para outra unidade de saúde, que já havia sido providenciada. A respiração de forma manual é uma ação que os técnicos de enfermagem são treinados para realizar em caso de necessidade;

– Neste meio tempo um dos aparelhos foi consertado e a paciente foi colocada no respirador mecânico. O outro aparelho precisou ser levado para ser consertado na própria empresa;

– O médico da Policlínica do Verdão que estava atendendo a paciente, em uma decisão conjunta com os médicos da ambulância avançada resolveu não transferir a paciente, uma vez que ela já estava com o respirador mecânico e o tratamento que receberia na outra unidade seria o mesmo que ela estava recebendo no momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *